... Entraram na porta ao lado

Pois que se há coisa que nunca conseguirei fabricar são personas. Este espaço é um pouco de mim. São retalhos de nós... e isto é o que eu sou agora: uma pessoa que tentar reconstruir-se, renascer literalmente das cinzas.
Não sei mentir e estar a chorar por dentro e aqui a colocar músicas natalícias e a bradar ho-ho-ho's...
para isso tenho todos os momentos em que estou com os meus filhos e tenho de me focar em sorrir, gracejar, gargalhar, indo buscar forças não sei bem onde. Mas vou. E tenho conseguido. Temos conseguido. Posso ficar cansadíssima no processo, mas vou continuar a fazê-lo para os proteger da real dimensão do que nos atingiu.

Vou voltar a sorrir genuinamente? Não tenho dúvidas.
Vou voltar a escrever sorrisos e gargalhadas? Certamente.
Mas não de forma forçada. Só porque é expectável neste mês sermos todos fofinhos e solidários e amiguinhos, e alto-astral...

Por isso se é para ouvir ho ho ho's, saber de whishlists ou falar de devaneios consumistas natalícios tenho a informar que "entraram na porta ao lado".

A felicidade regressará logo que possível.

Comentários

  1. Fazes bem em vir aqui desabafar
    Deixa sair tudo isso que te consome, para que consigas recarregar as forças para os sorrisos para os miudos
    Um abraço forte

    ResponderEliminar
  2. Olá mãeee,
    faz muito tempo que não passava por aqui e quando o faço deparo-me com esta notícia tão triste e que muito me comoveu.
    Nada podendo fazer para minimizar a tua angústia, deixo-te um abraço bem forte e desejos profundos de que em breve tudo se volte a compor.
    E sim, ser mãe também é isso, sorrirmos pelos nossos filhos quando estamos desfeitas por dentro.
    Muita força.

    ResponderEliminar
  3. Tens todo o direito de te sentir assim...infelizmente o que tu perdeste n se traduz em numeros :(
    Se tens que ser forte para alguém é para os teus e que ninguém te cobre ou te peça mais que isso

    beijinhos de todos para todos

    PS: sónia se quiserem vir a Mirandela façam-no sem cerimónias a nossa casa está ás ordens ;)

    ResponderEliminar
  4. Lamento imenso o que vos aconteceu. Nada do que digamos consegue melhorar o vosso estado de espirito, só o tempo o fará.
    Um beijinho grande,

    ResponderEliminar
  5. Sente o meu "abraço forte" com tanto carinho como as palavras que vais deixando no meu blog... O tempo cura tudo, é uma frase feita, mas muito verdadeira... Aááhhh... e um bocadinho da "tal" vontade ;)
    Beijinhos muito, muito grandes ♥

    ResponderEliminar
  6. Queridas Sofia, Pepper (obrigada por teres voltado ao activo também nas palavras e não apenas nas imagens), Lena, Anabela e Rute,
    muito obrigada pelas palavras de conforto e força.
    Por vezes temos mesmo de ter momentos em que possamos desabafar, não nos preocuparmos com pruridos e sensibilidades e mostrar a nossa fragilidade para, depois de lambidas as feridas, podermos continuar o caminho.
    Por nós, mas acima de tudo, por eles.
    beijos em todas e cada uma

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares