Há muitas formas de dizer eu amo-te

Ando a um ritmo tal que não consigo verter para o teclado o que se vai formando aqui na cabecinha negra ... talvez de tanto gostar de ver o Fringe, não fosse má ideia um mecanismo tipo usb que descarregasse directamente as nossas emoções, devidamente organizadas para os ficheiros respectivos ... cá estou eu a divagar
bem, mas desde 2ª feira ao fim do dia que ando para aqui responder a uma expressão de amor ...


O amor tem muitos rostos. O meu tem seguramente o rosto de cada um dos meus filhos, dos meus pais, da minha irmã, do irmão que a minha irmã me deu, dos avós, de amigos que se tornaram mais que família ... apresenta-se sob muitos rostos, muitas idades, tons de pele, cores de olhos, pesos e medidas ...

O amor que me prendeu para criar um projecto de vida comum, tem uns olhos profundíssimos e lindos ... claros e transparentes como a sua postura perante a vida ... foi neles que eu me perdi sem voltar para trás, traçando antes um novo percurso, decidido após a encruzilhada do nosso olhar ...
Esse grande amor constrói-se mesmo a cada dia. Com sucessos. Com fracassos. Com dezaguizados e deveres de se sentar onde temos a certeza que, com diálogo, tudo se resolve.
Com silêncios e com palavras.

Temos uma diferença tremenda na maneira de demonstrar os amo-te da nossa vida: eu invoco que preciso de mais romantismo, dos pequenos bilhetes que paulatinamente desapareceram da mesinha-de-cabeceira, da carta na caixa do correio ou escondida na carteira, da flor sem data marcada, do arrebatamento da surpresa ...
Ele reaje, que, o dia-a-dia não permite, que não faz assim, mas faz 234754754325478 coisas que normalmente os maridospais não fazem ...e nisso tem razão. O meu amor, o meu homem grande é um pai-galinha e não há NADA que ele não faça por ou com os filhos (vá, talvez escolher o que vão vestir seja a parte mais morosa, mas não impossível)


Ele não faz por mal, eu sei.
Eu também não. Podia ser mais pragmática, mais desprendida desses gestos de filme ou novela.
Fazemos ajustes a estas necessidades há 16 anos ...

Depois de um fim de semana perfeito com direito a praia. banhos de mar. peixe a sair da rede. cinema a dois. conversas boas com os filhos. entre nós como pais. entre nós como amantes. picardias que tornam tudo real. entre nós e os filhos. entre nós como pais. entre nós como amantes. beijos na boca. mãos enlaçadas. palavras que não sairam da boca mas que ouvimos com o bater do coração.
2ªfeira. O regresso à rotina. O stress dos horários. 3 escolas. as visitas à Torre. O volume de trabalho que não cessa de crescer. O ficar a trabalhar até mais tarde.
O marido, pai, amigo, amante que vai para casa mais cedo. Que limpa imaculadamente uma sala onde povoam objectos deixados por uma saída à pressa. Onde o pó se torna vizinho dos livros. Onde o chão de madeira é coberto por uma camada estratigráfica de pó. Que sai. Que compra flores, poucas, com ar de campo. Que vai ao campo pedir emprestado para casa as papoilas vermelhas que amo e a erva doce que inebria o ar. Que arranja tudo numa jarra, bem no coração do nosso lar. Na divisão que é dos 5. Jantar pronto. Crianças a beijar o pai que as apanha no fim do dia escolar.
Entrar em casa. Uma vela acesa na entrada. Um cheiro a lar. Um amor sem fim ...

Sim, há muitas formas de dizer Eu Amo.te
Há muitas formas de ser romântico.
Tenho muita sorte em te ter na minha vida. Gosto-te tanto

(a musiquita é para acompanhar a leitura desta singela declaração de amor. Porque eu sei que sabes que te AMO mas quero dizê-lo aqui, na minha maneira às vezes descincronizada de lidar com as palavras. Gosto muito desta)

Comentários

  1. São estes exemplos de amor lindo que me "obrigam" a continuar a acreditar no amor...Parabéns pela forma maravilhosa como descreves o amor...

    ResponderEliminar
  2. Hum...que post delicioso!
    pois há, muitas de dizer e muitas de ouvir!!!

    Bjs...muitos!

    ResponderEliminar
  3. Não vale fazer chorar as amigas, tá?

    Que delicia de escrita amiga, que declaração linda...temos tanto em comum...sabes né?

    Bjs grandes

    ResponderEliminar
  4. Que linda declaração de amor!
    Sabes, eu acho que nós às vezes somos muito exigentes ( eu pelo menos sou )... E as papoilas? Nunca me tinha lembrado de as colocar numa jarra...vou roubar-vos a ideia:)
    Também adorei a música, o que eu dancei ao som dela!
    Bom fim-de-semana para os 5!

    ResponderEliminar
  5. Adorei! Que linda declaração de amor!

    Bom fim de semana

    Bjos

    ResponderEliminar
  6. Basta teres 5 minutos que te saiem sempre coisas lindas, palavras doces e maravilhosas, como só tu as sabes conjugar.

    Sim, vale sempre acreditar no amor. Ter fé!

    E essa música... também é minha:)

    Beijinhos muitos

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares