sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Jantares em família



Em nossa casa fazemos os ajustes necessários para jantar todos juntos, sentados à mesa. esta é a regra. esta é também a necessidade de criar o nosso momento a 5. não tomamos o pequeno almoço todos ao mesmo tempo, nem almoçamos juntos em casa (embora quase todos os dias acabemos por almoçar todos em casa, a horas desencontradas).
O tempo que dedicamos ao jantar, a forma como preparamos os ingredientes e as combinações mais saudáveis e saborosas, o tempo que passamos à mesa na companhia uns dos outros, são o nosso momento familiar diário por excelência.

Por isso lhe dedicamos atenção. Por isso nutrimos a preparação do jantar e da mesa (jantamos sempre na mesa da sala, com toalha de tecido e pratos, copos e talhares de todos os dias que são bonitos e simples, os mesmos que usamos quando vêm os nossos amigos). Confesso que pensava que isto eram absolutas banalidades sem sentido, mas tenho-me apercebido que muitas famílias não se sentam à mesa juntos e partilham a refeição (comendo cada qual no seu tabuleiro, no seu sítio, em frente à televisão  ou computador ou tablet) ... Respeito, mas não é a nossa opção.

Ontem fomos os dois mais velhos para a cozinha preparar mais uma refeição para todos. Muitas vezes, essa é uma tarefa do pai cá de casa que, desde que eu estive totalmente impossibilitada por questões de saúde, lhe tomou o gosto e tomou as rédeas à cozinha do nosso ninho.
Ele preparou uns rolinhos de legumes ralados, com queijo e especiarias, gratinados ao forno (não somos só nós a procurar incessantemente estratégias para todos comerem muitos legumes às refeições, e não apenas na sopa, ou na tradicional alface e palitos de cenoura, pois não?), e, já que o forno estava ligado, uma caçarola de arroz de forno tradicional (que nos servirá para alimentar o regimento também hoje).
Eu ataquei uns peitos de frango, que transformei nuns estaladiços mas saudáveis nuggets, que todos adoraram. Acompanhámos de um dip caseiro de maionese de salsa e alho e com muita muita conversa boa e algumas, muitas, gargalhadas.

A mesa é para ser vivida. Servir e partilhar o que somos, sentimos e comemos, torna-nos mais próximos e cúmplices.

Obrigada ao Casal Mistério que nos tem inspirado para inúmeras receitas e opções dos nossos jantares, lanches e miminhos (doces ou salgados). A receita de ontem vimos no seu site. Foi esta

Baked-Popcorn-ChickenIMG_0555edit.jpg

Sem comentários:

Enviar um comentário