Saturday night fever

Estávamos febris. Todos nós.
Os sintomas não se podiam ignorar por mais tempo, sob pena de evoluirem para algo mais complicado...
Ontem á noite, decidimos que não podíamos esperar mais e tínhamos de iniciar um tratamento agressivo a.s.a.p.
Fomos buscar o Júlio e iniciámos os procedimentos: bom vinho, fondue, tudo regado abundantemente com sorrisos, conversas e gargalhadas noite dentro. Dada a gravidade da situação clínica, foi necessário tomar várias doses.
Há bicharocos difíceis de matar e este, bem alimentado por uma ausência de mais de 1 mês, cresceu e cresceu ... mas lá demos cabo dele.
A saudade é assim.

O problema do bicho saudade é que ainda não lhe tratámos da saúde e já está a crescer novamente, ganhando espaço dentro de nós, ávido da dor que se instala por não estarmos juntos tantas vezes como queremos e merecemos.

Foi uma noite de sábado bem passada ... como gostamos ... em família

Comentários

Publicar um comentário

Mensagens populares